Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

mud anças

a imperfeição chegou, como sempre, no desajuste entre o ciclo político e o ciclo organizacional. um ciclo organizacional só é típico se seguir a via da construção e mudança no tempo; quando factores externos interferem, torna-se atípico.

encontro-me com o homem, de tiradas aparentemente fáceis;

o problema é quando pensamos um pouco sobre o que noz diz, sobre o que transmite na resposta e a que não é estranho o comportamento corporal.

a franqueza e a cumplicidade sedimentada numa salutar cumplicidade, de há anos, permitem-me uma abordagem directa; observo-lhe "andas muito mais sorridente...".

"deve ser o sentimento de ininputabilidade que sinto desde que aceitei..." - responde; mas com um sorriso aberto, que lhe iluminou a compustura.

amanhã é o primeiro dia do resto dos nossos dias.

vamos ver o que o futuro trás, e o que o esforço nos permite alcançar.