Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

Ontem: um dia importante

E porque o foi, não posso deixar de assinalar o facto de o Senhor Presidente da República ter decido receber, formalmente, alguém.


Não me refiro ao Professor Marcelo Rebelo de Sousa (assunto também importante) mas sim ao conjunto de cidadãos que foram levar ao PR a notícia de que tinha havido um Golpe de Estado constitucional: o núcleo duro das disposições constitucionais inerentes ao ser da Nação foi posto em causa, submetendo o nosso País sem reservas à “Lei europeia”. Isto é, mesmo que um dia mude o pensamento político acerca do papel da Europa no papel da Nação, estávamos amarrados àquela gente.


Daí que pela primeira vez na nossa democracia, se peça que o TC fiscalize se a Revisão Constitucional foi Constitucional... complicado?


Vale a pena ler aqui: diz-nos respeito.