Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

can inus

és um tonto!

vens assim, torto e desajeitado,

encostar-te e implicar,

comigo,

sossegado,

desatinar-me com essa ponta húmida,

inquitante,

esses modos diversos

chocantes,

entre o aconchego e o desaparecimento,

esses empurrões insistentes

e o olhar pedinchão,

cão...

 

mom & entus

segue a abundante escrita

na precária folha de papel

contradição maldita

entre o  que se vê e o que se percebe

resumida na letra bonita

daquilo que não se escreve

 

in momentus

 

em si mesmo

entre o rumor do que se escreve

e o facto que se ouve de terceiros

resta a dúvida sobre o que se vive

e a certeza do que se não é:

causa

da existência

presa no pensamento

livre na abordagem

fatal na conlusão.