Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

Tempus a tempus

um espírito próprio dos que vão estando a tempus, in tempus.

datações

Na arqueologia da dor
não se sofre menos por cada ano volvido sobre
a perda de um ente: apenas se aprendeu
a conviver melhor com a ausência forçada.

As datas que então surgem, são
a tentação de combater o medo de nos esquecermos deles,
um paradoxo da vida,
pelos que vivem em nós após a morte.

Seja essa imagem,
em memória,
Amor e saudade,
mas não a dor.